O Pastor e o Mercenário

mau_pastorEu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas. Mas o mercenário, e o que não é pastor, de quem não são as ovelhas, vê vir o lobo, e deixa as ovelhas, e foge; e o lobo as arrebata e dispersa as ovelhas. Ora, o mercenário foge, porque é mercenário, e não tem cuidado das ovelhas.
Eu sou o bom Pastor, e conheço as minhas ovelhas, e das minhas sou conhecido.
Assim como o Pai me conhece a mim, também eu conheço o Pai, e dou a minha vida pelas ovelhas. Ainda tenho outras ovelhas que não são deste aprisco; também me convém agregar estas, e elas ouvirão a minha voz, e haverá um rebanho e um Pastor. João 10:11-16
Definições no dicionário:
Pastor: Aquele que cuida de um rebanho de gado, de ovelhas etc.
Na bíblia: Reis, governantes e líderes em geral, também são chamados de pastores.
Mercenário: no dicionário quer dizer: “Que ou quem trabalha por soldo, ou só pelo interesse da paga”.
O mercenário ao contrário do que muitos pensam, não é um assassino, não é um ladrão e não é nenhum tipo de malfeitor. É tão somente uma pessoa que só trabalha se for paga, porque é o dinheiro quem o motiva para o trabalho. Assim podemos dizer que: Nossa sociedade, está repleta de mercenários. Pois não podemos viver sem o nosso dinheiro mensal. Explicando o texto: “Eu sou o bom Pastor, o bom Pastor, dá sua vida pelas ovelhas” (João 10:11). Nesta parte, Jesus foi direto ao ponto mais importante, pelo qual desceu a este mundo, Sua tarefa aqui foi a de resgatar as ovelhas perdidas, e com esta declaração, estava revelando que iria morrer defendendo suas ovelhas. Por causa disso, Jesus é o “ETERNO PASTOR E DONO DAS OVELHAS”. “Mas o Mercenário, que não é pastor, de quem não são as ovelhas” (João 10: 12). Qual era a intenção de Jesus, quando nos ensinou a respeito do “ mercenário”? E porque Ele deu ênfase a este a quem nem se quer sabemos o nome? Jesus afirma: O MERCENÁRIO, Não é pastor? O texto nos mostra claramente que o mercenário, estava trabalhando como pastor de ovelhas, e que ele estava sendo pago, para cuidar de um rebanho, que não era seu. Afinal o mercenário é ou não pastor? Para entender isso, vamos recorrer ao novo testamento: Tanto Jesus quanto os Apóstolos, deram permissão para que homens comuns, passam trabalhar como pastores, e que estes têm o dever de levar o evangelho adiante e permite também que os pastores possam viver do evangelho, ou seja, podem receber dinheiro para trabalharem como Pastores. Este texto bíblico, na verdade fala sobre dois tipos de pastores, um é o mercenário, e o outro tipo são os pastores aprovados por Cristo. Agora vamos ver a diferença entre os dois tipos de pastores.
Vejamos o mercenário: Como já vimos o mercenário só trabalha se for pago, por meio de um salário ou soldo ou ordenado, podemos ver no dicionário, que a palavra salário ou ordenado deriva de uma “LEI” ou ordem, um patrão quando contrata um trabalhador, tem por obrigação de lei, pagar seu funcionário ama quantia preestabelecida. Se o patrão não pagar pelo trabalho realizado, o trabalhador mercenário poderá levá-lo diante das autoridades e por força de lei, vai queres receber por seu trabalho, concluímos que o mercenário é pastor sim, mas, do mundo e da lei que opera neste mundo, por isso os mercenários exigem e cobram tarifas, e lutam para ajuntar o máximo de dinheiro que puderem, pois são insaciáveis e gulosos por dinheiro, e alguns gastam muito mais do que seu salário, que arrancar das ovelhas de Cristo. Agora vejamos o pastor: Aprovados por Deus. Os pastores de Cristo, procuram imitar seu chefe, que é Jesus, podem até receber salários fixos como ajuda de custo, ou uma quantia preestabelecida, eles só podem receber doações das ovelhas que cuidam, e só podem receber doações voluntarias delas, o novo testamento nos ensina que temos que repartir dos nossos bens com aqueles que nos instruem , e isso tem que ser por liberdade, livremente , mesmo porque não tem como um pastor, levar a igreja de Cristo diante dos tribunais para exigir salário, isso seria o mesmo que levar Deus a justiça, um pastor aprovado não trabalha por dinheiro, e não junta dinheiro para construir nada, isso porque a igreja de Cristo não é uma só uma instituição religiosa registrada no governo, ela é um conjunto de pessoas que aceitaram a salvação de Jesus. Essa é a diferença entre ser pastor mercenário e pastor de Cristo. “vê vir o lobo, e deixa as ovelhas, e foge” Este lobo mencionado aqui neste texto, com certeza não é o animal que conhecemos na natureza, aqui Jesus usou esta referência, para nos dizer que as atuações e estratégias usadas por satanás, para prejudicar nossas vidas, se assemelham em muito, com as do lobo na natureza. O mercenário tem uma atitude de covardia com relação a satanás quando ele percebe sua atuação, sai de fininha e corre abandonando as ovelhas a sua própria sorte.
Comentário: O texto deixa claro que o personagem que Jesus está chamando de mercenário não é o diabo, este o texto está chamando de lobo. O mercenário anunciado por Jesus neste texto, são os homens que iriam trabalhar como pastores, e iriam liderar um determinado grupo de pessoas e para fazerem isso, querem receber volumosos salários mensais, ou um pagamento, ou um salário ilimitado. Disse-lhe terceira vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Simão entristeceu-se por lhe ter dito terceira vez: Amas-me? E disse-lhe: Senhor, tu sabes tudo; tu sabes que eu te amo. Jesus disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas. (João 21.17): Jesus disse a Pedro: “Pedro Apascenta as minhas ovelhas”. Jesus pediu para Pedro ser pastor, e depois dEle ter perguntado a ele por três vezes, ficou bem claro para Pedro quem realmente era o dono das ovelhas. A bíblia da autorização, para que homens trabalhem como pastores. Por causa disso ficou muito difícil, de entendermos o que Jesus quis nos ensinar, falando a respeito do Mercenário, e por quê? E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores, (Efésios 4:11). Espero que agora tenha ficado claro isso. O que estou tentando mostrar é que não é errado trabalhar como pastor, o errado é a maneira como esta posição está sendo ocupada pelos homens hoje, e suas religiões erradas. Estes estão vivendo totalmente fora das ordenanças que receberam de Jesus e dos apóstolos, agem como se fossem donos das ovelhas, e muitos só estão preocupados com seu próprio bem-estar, e no dinheiro que ganham, e nas suas mordomias.
Conclusão! Onde estão os pastores de verdade?

(Este estudo é sobre o evangelho de João 10.)